Pular para o conteúdo

Os 10 melhores filmes de fantasia dos anos 90 que são tão ruins que são bons

Os 10 melhores filmes de fantasia dos anos 90 que são tão ruins que são bons
Avalie este artigo

Os anos 90 foram uma década repleta de filmes de fantasia, alguns tão ruins que se tornaram bons de uma maneira peculiar. Neste artigo, vamos classificar os 10 melhores filmes de fantasia dos anos 90 que são tão ruins que são bons.

10. “The NeverEnding Story III” (1994) – Apesar de ser o último filme da trilogia, “The NeverEnding Story III” não conseguiu capturar a magia dos primeiros filmes. No entanto, com seus efeitos visuais precários e enredo confuso, acaba sendo uma experiência divertida e nostálgica para os fãs.

9. “Warlock: The Armageddon” (1993) – Esta sequência do cultuado “Warlock” foi um fracasso de crítica, mas sua combinação de bruxaria, ação e momentos exagerados o tornou um filme tão ruim que é bom. É uma pérola para os fãs de filmes de fantasia dos anos 90.

8. “Mighty Morphin Power Rangers: The Movie” (1995) – Baseado na popular série de TV, este filme oferece tudo o que os fãs esperavam: um enredo simplório, efeitos especiais questionáveis e lutas de kung fu. Embora tenha sido criticado na época, hoje é lembrado com carinho pelos fãs nostálgicos.

7. “Dragonheart” (1996) – Neste filme, um cavaleiro e um dragão se unem para enfrentar um rei malvado. Com efeitos visuais duvidosos, atuações exageradas e uma trama previsível, “Dragonheart” se enquadra perfeitamente na categoria de filmes tão ruins que são bons.

6. “Highlander II: The Quickening” (1991) – Como uma sequência do icônico “Highlander”, este filme foi uma grande decepção para os fãs. Com uma trama confusa sobre imortalidade e invasões alienígenas, se destaca como uma obra tão ruim que é boa para os amantes de filmes trash dos anos 90.

Leia Agora  Pet Sematary: Bloodlines - Diretora Revela Desafio de Adaptar a Obra de Stephen King

5. “The Beautician and the Beast” (1997) – Esta comédia romântica mistura “A Bela e a Fera” com “A Noviça Rebelde”, resultando em uma experiência cinematográfica hilariamente boba. Com a química estranha entre Fran Drescher e Timothy Dalton, o filme se torna uma ótima escolha para uma noite de diversão.

4. “Troll 2” (1990) – Embora não tenha qualquer relação com o primeiro “Troll”, este filme foi abraçado pelos fãs do gênero por sua qualidade terrível. Com atuações surreais, efeitos especiais risíveis e uma narrativa totalmente absurda, “Troll 2” se estabelece como um clássico cult dos anos 90.

3. “Street Fighter” (1994) – Baseado no popular jogo de luta, este filme foi criticado por sua interpretação exagerada e diálogos constrangedores. No entanto, é exatamente por essas características que ele se torna um filme tão ruim que é bom. Raul Julia como M. Bison é uma das melhores partes dessa produção.

2. “Hercules in New York” (1990) – Este filme marca a estreia de Arnold Schwarzenegger no cinema, interpretando o famoso herói grego. Com um enredo bobo, cenas de ação desajeitadas e um sotaque austríaco inconfundível, “Hercules in New York” é uma pérola dos anos 90 que vale a pena assistir.

1. “Troll in Central Park” (1994) – No topo da nossa lista está esse adorável desastre de animação. Com animações de baixa qualidade, músicas pegajosas e um enredo incongruente, “Troll in Central Park” se tornou um clássico cult dos anos 90. É um filme tão ruim que é bom e que com certeza vai divertir até mesmo os mais céticos.

Leia Agora  "American Rust marca data de lançamento para a 2ª temporada - Mas há uma reviravolta"

Esses são os 10 melhores filmes de fantasia dos anos 90 que são tão ruins que são bons. Apesar de suas falhas, essas produções oferecem uma quantidade generosa de diversão e nostalgia para os fãs do gênero. Se você está procurando algo para assistir e se divertir, é só escolher um desses filmes e aproveitar a experiência única que eles proporcionam.