/Os indicados ao Oscar de filme estrangeiro dos países que disputam a Copa do Mundo

Os indicados ao Oscar de filme estrangeiro dos países que disputam a Copa do Mundo

Compartilhe

Quantas estrelas merece esse texto?

Em Março desse ano aconteceu a premiação do Oscar, e entre esses prêmios, está a premiação de melhor filme estrangeiro, onde cada país envia seu filme representante. Portanto, nós do Odisseia Pop separamos esses filmes escolhidos por 29 dos 32 países que estão na Copa (Inglaterra*, Arábia Saudita e Nigéria não tiveram representantes) e listamos para vocês como uma forma de conhecer um pouco mais da cultura de cada país, e de sobra, indicar ótimos filmes.

*O cinema inglês concorre juntamente com o americano nas categorias principais

Então, vamos a nossa lista:

RÚSSIA | Sem Amor (Nelyubov), Andrei Zvyagintsev

Boris (Alexey Rozin) e Zhenya (Maryana Spivak) estão se divorciando. Depois de anos juntos, os dois se preparam para suas novas vidas: ele com sua nova namorada, que está grávida, e ela com seu parceiro rico. Com tantas preocupações eles acabam não dando atenção ao filho Alyosha (Matvey Novikov), que acaba desaparecendo misteriosamente.

URUGUAI | Otra Historia del Mundo, Guillermo Casanova

Gregorio Esnal (César Troncoso) e Milo Striga (Roberto Suárez) são dois amigos cinquentões moradores da cidade fictícia de Mosquitos, que decidem alterar a remoção do Coronel Valerio (Néstor Guzzini) e roubam os anões que decoram a frente da casa dele. O plano não tem o resultado esperado. Os dois amigos, em seu pequeno ato revolucionário levantando um grito de liberdade de sua aldeia tranquila, são separados um do outro. Esse fato é um impacto inalterável em suas famílias, entre as quais as filhas de Striga, Beatriz (Natalia Mikeliunas) e Anita (Alfonsina Carrocio) que empreendem, cada uma à sua maneira, um plano para resgatar seu pai de um destino incerto.

EGITO | Sheikh Jackson, Amr Salama

Um clérigo islâmico tem uma crise de identidade quando ouve a notícia de que seu ídolo da infância, Michael Jackson, morreu.

ESPANHA | Verão 1993 (Estiu 1993), Carla Simón

Frida, uma menina de seis anos, enfrenta o primeiro verão com sua nova família adotiva após a morte de sua mãe. Um drama sobre a infância de uma menina que tem de aprender a se encaixar ao novo mundo.

PORTUGAL | São Jorge, Marco Martins

Filme sobre um soldador de uma fábrica afetada pela crise econômica em Portugal, gerando desempregos. Devido a isso, ele volta ao mundo do boxe.

IRÃ | Respiro (Nafas), Narges Abyar

Filme sobre uma família iraniana que vive no Irã. Ele conta a história de Bahar, que vive com seu pai, Ghafour (Mehran Ahmadi) e a avó (Pantea Panahiha) durante os anos 1970. Bahar vive em seu mundo infantil e surreal, cheio de sonhos e fantasias.

MARROCOS | Primavera em Casablanca (Razzia), Nabil Ayouch

Casablanca: vibrante e desafiadora, convidativa, porém implacável. Quatro almas em busca da verdade, trinta anos depois de um apaixonado professor nas montanhas Atlas foi silenciado… Através do eco de seus sonhos destroçados, as desilusões dos quatro personagens dão vida às faíscas que irão incendiar essa cidade.

FRANÇA | 120 Batimentos Por Minuto (120 Battements par Minute), Robin Campillo

Retrato íntimo do grupo de ativistas do Act Up, grupo de apoio a pessoas com aids, no início da década de 1990.

DINAMARCA | Você Desapareceu (Du forsvinder), Peter Schønau Fog

Professora, Mia (Trine Dyrholm) é casada com Frederik (Nikolaj Lie Kaas), um diretor bem-sucedido que é pego roubando da sua própria escola. Na dúvida se o marido fez isso por vontade própria ou devido ao tumor que cresce no cérebro dele, ela está desperada para solucionar o caso e descobrir com que tipo de homem está casada. Enquanto pagava um advogado para denfendê-lo, ela é forçada a se deparar com estudos de neurociência para repesensar quem é Frederik.

PERU | Rosa Chumbe, Jonatan Relayze

Rosa é uma oficial de polícia madura, tendo problemas com jogo e com a bebida. Ela vive com sua filha Sheila, que tem um pequeno bebê. Um dia, depois de uma grande briga entre elas, Sheila rouba as economias de sua mãe e sai de casa aos gritos, deixando seu bebê para trás. Rosa é forçada a passar algum tempo com seu neto. Algo mudou dentro do seu coração de pedra. No entanto, tudo toma um rumo errado numa noite. Só um milagre poderá salvá-la.

AUSTRÁLIA | The Space Between, Ruth Borgobello

Marco (Flavio Parenti) é um ex-chef de 35 anos que desistiu de sua carreira e qualquer esperança para retornar a Udine no norte da Itália e cuidar do pai doente. Mesmo quando oferecido um trabalho em um restaurante em Melbourne, ele recusa usar seu pai como desculpa. Quando a tragédia atinge, o único brilho de alegria chega na forma de Olivia (Maeve Dermody), uma australiana espirituosa que persegue seu sonho de trabalhar em design enquanto está em uma missão familiar em Udine. Ante os vinhedos deslumbrantes, as montanhas acidentadas e o Adriático, essas duas pessoas muito diferentes se encontram numa encruzilhada que mudará suas vidas para sempre.

ARGENTINA | Zama, Lucrecia Martel

Adaptação do romance “Zama”, de Antonio Di Benedetto, onde Dom Diego de Zama, funcionário da coroa espanhola que serve em um pequenino povoado nos confins da colônia, aguarda ansioso sua transferência para a cidade de Buenos Aires.

CROÁCIA | Encarando Meu Prato (Ne gledaj mi u pijat), Hana Jusic

Como uma comunidade, a família muitas vezes funciona como um zoológico de animais fofinhos que dão uns aos outros calor, sensação de segurança e atenção, mas este tipo de amor incondicional também pode ser sufocante e chato. O filme é uma comédia de humor negro sobre uma família que é opressiva e disfuncional ao extremo. Marijana, a filha tímida da casa, quer se libertar da prisão do amor que tudo consome de sua família. A liberdade, no entanto, é fria e desoladora, e as pessoas que ela encontra fora da família são estranhas, indiferentes e insensíveis. Isso é realmente onde ela pertence – e de onde ela realmente quer fugir?

ISLÂNDIA | A Sombra da Árvore (Undir Trénu), Hafsteinn Gunnar Sigurðsson

Depois de ser expulso de casa e impedido de ver a filha, Atli volta a morar com seus pais, que estão envolvidos em uma disputa em torno de uma grande e bela árvore que faz sombra no deque do vizinho. Enquanto Atli luta pelo direito de ver sua filha, a rivalidade com os vizinhos se intensifica — propriedades são danificadas, animais de estimação desaparecem misteriosamente, câmeras de segurança são instaladas e há um boato de que o vizinho foi visto com uma motosserra.

BRASIL | Bingo: O Rei das Manhãs, Daniel Rezende

No Brasil dos anos 1980, Augusto Mendes é um ator frustrado que faz sucesso em pornochanchadas, mas sonha com os holofotes. Sua grande chance surge ao se tornar “Bingo”, palhaço apresentador de um programa infantil na televisão. Graças ao jeito irreverente de Augusto, Bingo se torna um sucesso absoluto. Mas uma cláusula no contrato não permite que ele revele quem é o homem por trás da máscara, tornando-o o anônimo mais famoso do Brasil. Livremente inspirado na história real de Arlindo Barreto, um dos intérpretes do palhaço Bozo no programa do SBT.

SUÍÇA | Mulheres Divinas (Die Göttliche Ordnung), Petra Biondina Volpe

Suíça, 1971. A jovem dona de casa Nora (Marie Leuenberger) vive com seu marido e seus dois filhos numa pequena aldeia. Até então sua vida era tranquila e não tinha sido afetada com as grandes revoltas sociais e o movimento de 1968, mas, é aí que Nora começa a fazer campanha pelo direito de voto das mulheres.

SÉRVIA | Requiém Para Sra. J (Rekvijem za gospodju J), Bojan Vuletić

Drama sobre a transição econômica do país, as pessoas que sempre trabalharam honestamente e não conseguiram se adaptar e lidar com os novos tempos. A história segue as vidas de quatro mulheres pertencentes a várias gerações diferentes: uma mãe, suas duas filhas e sua sogra. O personagem principal, Sra. J, depois de perder seu emprego, não tem meios para sustentar sua família. Sua filha mais velha está grávida e sua filha mais nova está atravessando um período complicado da puberdade. A sogra está em silêncio, não se comunicando com ninguém.

COSTA RICA | El Sonido de las Cosas, Ariel Escalante

Claudia, uma enfermeira jovem e dedicada, vive um drama pessoal após o suicídio de sua prima e companheira de casa. Ela deve ser forte para os outros não notarem seu sofrimento pela perda recente, mas deve encontrar um novo companheiro de casa. No entanto, tudo se complica quando um velho amigo pede sua ajuda para lidar com uma doença, onde Claudia será forçada a lidar de uma vez por todas com o peso de sua recente perda.

ALEMANHA | Em Pedaços (Aus Dem Nichts), Fatih Akin

Katia Sekerci é uma alemã que leva uma vida normal ao lado do marido turco Nuri, e do filho de 7 anos. Um dia, ela é surpreendida ao descobrir que ambos morreram devido a uma bomba colocada no escritório do marido. Desesperada, Katia decide lutar por justiça ao descobrir que os responsáveis foram integrantes de um grupo neonazista.

MÉXICO | Tempestade (Tempestad), Tatiana Huezo

Duas mulheres, uma viagem em duas vozes, que, como reflexos de um único eco, transmitem o que o medo significa de agrupamento na vida de um ser humano. México de norte a sul numa época em que a violência tem tomado o controle de nossas vidas, nossos desejos e nossos sonhos. Uma viagem emocional e sugestiva, rica não só em perda e dor, amor, dignidade e resistência.

SUÉCIA | The Square: A Arte da Discórdia (The Square), Ruben Östlund

Um gerente de museu está usando de todas as armas possíveis para promover o sucesso de uma nova instalação. Entre as tentativas para isso, ele decide contratar uma empresa de relações públicas para fazer barulho em torno do assunto na mídia em geral. Mas, inesperadamente, isso acaba gerando diversas consequências infelizes e um grande embaraço.

COREIA DO SUL | O Motorista de Táxi (Taeksi Woonjunsa), Hun Jang

O filme retrata a história sobre um motorista de táxi, que acidentalmente foi para Gwangju em 1980, em meio a Revolta Democrática de 18 de maio contra o regime militar. Com base na história verdadeira do Massacre de Gwangju.

BÉLGICA | Fidelidade Sem Limite (Le Fidèle), Michaël R. Roskam

Em um circuito de corridas, o gângster Gigi (Matthias Schoenaerts), membro de uma cruel gangue criminosa de Bruxelas, conhece a jovem e rica corredora Bibi (Adèle Exarchopoulos). Logo, os dois se apaixonam, mas por causa de suas vidas distintas, a chance de ficarem juntos é remota. Mesmo assim, eles iniciam um relacionamento pelo qual lutarão com unhas e dentes, mas que também colocará suas vidas em perigo.

TUNÍSIA | The Last of Us, Ala Eddine Slim

Sem diálogo, “The Last of Us” rastreia um homem subsaariano através do deserto para o Norte de África, onde ele rouba um barco. Quando se quebra no meio do mar, ele tem um imaginário e começa uma odisseia surrealista onde encontra um homem mais velho, que pode ser uma versão alterada dele mesmo, e, em uma paisagem selvagem, redescobre a sua relação com a natureza primária. Este conto da viagem de um imigrante para a Europa torna-se ‘uma fábula filosófica sobre estar perdido’.

PANAMÁ | Más Que Hermanos, Arianne M. Benedetti

É uma história de sobrevivência com um toque de esperança, inspirado por duas crianças mendigando dinheiro no Parque del Retiro em Madrid e foram encaminhados para dois orfanatos separados, não tendo lugar em um para ambos.

POLÔNIA | Rastros (Pokot), Agnieszka Holland

A aposentada Janina Duszejko, uma mulher vegetariana e apaixonada por astrologia, vive em uma pequena aldeia dos Sudetos. Numa noite de inverno com muita neve, ela encontra o corpo de um vizinho, que era caçador. As circunstâncias da morte do homem são muito misteriosas.

COLÔMBIA | Pariente, Iván Gaona

Mariana, o eterno amor de Willington, vai se casar dentro de 8 dias com René, primo de Willington. Sem dinheiro para pagar a boda de casamento, René toma medidas desesperadas. Um processo de desmobilização de um grupo armado ilegal acontece na região e surgem novas mortes com o rumor do aparecimento de um novo bandido, que colocará em risco a nova família de Mariana. A vida de René dependerá da de Willington.

SENEGAL | Felicité, Alain Gomis

Félicité é uma cantora que vive em Kinshasa com Samo, seu filho de 16 anos de idade. Precisando de dinheiro para salvar o filho da amputação de uma perna, Félicité parte em uma jornada desesperada por toda a cidade.

JAPÃO | Yu Wo Wakasuhodo No Atsui Ai, Ryota Nakano

Futaba Kono (Rie Miyazawa) tem um lado sensível e outro problemático. Sua filha se chama Azumi Kono (Hana Sugisaki). Um dia, ela descobre que não tem muito tempo de vida. Futaba decide que tem 4 coisas para fazer antes de morrer:
1.) ela quer encontrar seu marido desaparecido e levá-lo para retomar o negócio de casa de banhos da família,
2.) conseguir que sua filha Azumi seja independente,
3.) encontrar o homem certo para Azumi e
4.) relacionado com o seu segredo que ninguém sabe sobre ele.

https://www.youtube.com/watch?v=TV62QKRSBnU


Compartilhe

23 anos, estudante de Jornalismo, apaixonado por cinema, séries e esportes