Pular para o conteúdo

Atom Egoyan surpreende com sua abordagem fria e arrebatadora em ‘As Sete Véus’ – Festival de Berlim

Atom Egoyan surpreende com sua abordagem fria e arrebatadora em 'As Sete Véus' - Festival de Berlim
Avalie este artigo

Atom Egoyan é um renomado diretor de cinema que é conhecido por explorar as possibilidades das diferentes tecnologias de comunicação. Desde o seu trabalho inovador em “Family Viewing” em 1987, ele tem mostrado telas dentro de telas, histórias dentro de outras histórias e a maneira como histórias não relacionadas podem se mesclar com a vida real.

Uma de suas obras mais recentes é “Seven Veils”, que foi exibida no Festival de Cinema de Berlim. O título do filme é uma referência à personagem bíblica Salomé, cuja história é abordada por Egoyan de uma forma fria, mas cativante.

No filme, Egoyan utiliza sua habilidade de contar histórias de uma maneira intrigante. Ele entrelaça diferentes narrativas e nos mostra como essas histórias aparentemente desconectadas podem se fundir e se relacionar com a vida real.

A trama de “Seven Veils” se baseia na história de Salomé, uma figura icônica que tem sido retratada de diferentes maneiras ao longo dos séculos. Egoyan oferece uma interpretação única, com sua abordagem fria e envolvente.

O filme foi muito bem recebido no Festival de Cinema de Berlim, com elogios à direção de

Leia Agora  O destino de Mouch e os problemas de Herrmann em Chicago Fire - Nota da estreia?