Pular para o conteúdo

Os Únicos Atores Principais Ainda Vivos de Perdidos no Espaço.

Os Únicos Atores Principais Ainda Vivos de Perdidos no Espaço.
Avalie este artigo

Atenção fãs de Lost in Space, a famosa série de sci-fi dos anos 60: se você está curioso para saber quais dos atores principais do programa ainda estão vivos, temos a resposta para você!

De acordo com uma fonte confiável (link abaixo), vários atores ainda estão entre nós. No entanto, desde o lançamento da série, em 1965, infelizmente perdemos alguns deles ao longo dos anos.

O artigo destaca que June Lockhart, que interpretou Maureen Robinson, a mãe da família Robinson, está viva e com 96 anos. June teve uma carreira de sucesso no cinema e na televisão, e seu papel em Lost in Space é um dos mais icônicos.

Outro ator que ainda faz parte deste mundo é Bill Mumy, que interpretou o distinto Will Robinson, o filho mais novo da família. Ele também é conhecido por seu papel em outro clássico da ficção científica, “The Twilight Zone”. Bill continua atuando e fazendo aparições em convenções de fãs.

Também é informado que Angela Cartwright, que interpretou Penny Robinson, a irmã do meio dos Robinsons, está viva e bem. Angela também teve uma carreira de sucesso, atuando em vários filmes e programas de TV ao longo dos anos.

Os fãs ficarão felizes em saber que Mark Goddard, o Major Don West, o piloto espacial da nave Jupiter 2, ainda está conosco. Ele teve uma carreira duradoura na televisão e no cinema, além de fazer aparições em convenções e eventos relacionados a Lost in Space.

Richard Tufeld, que fez a narração do programa e também deu voz ao robô da família Robinson, infelizmente faleceu em 2012. Sua presença nas primeiras temporadas do programa foi fundamental para a atmosfera única da série.

Leia Agora  Bilheteria sofre um dos piores fins de semana do ano

Então, embora alguns dos atores que deram vida aos nossos personagens favoritos tenham partido, ainda temos a sorte de poder apreciar e lembrar do incrível elenco de Lost in Space. A série, que foi um marco na cultura pop, ainda atrai fãs de todas as idades e continua sendo uma referência na ficção científica.

Fica aí a dica para quem quer conferir ou relembrar esse clássico da década de 60!