Pular para o conteúdo

Os Melhores Papéis de Nicola Coughlan, Classificados

Os Melhores Papéis de Nicola Coughlan, Classificados
Avalie este artigo

As 10 Melhores Atuações de Nicola Coughlan, Ranqueadas

Entre o lançamento da altamente esperada terceira temporada de Bridgerton e o lançamento do aclamado Big Mood na Tubi, podemos dizer com certeza que Nicola Coughlan está tendo um ano impressionante. Muitos conheceram o talento irlandês no sucesso da Netflix, Derry Girls, onde ela interpretou a esperta Clare por três temporadas espetaculares, e logo se apaixonaram pelo seu humor sagaz e sua entrega única. Desde então, ela se aventurou em filmes de época e blockbusters.

Vamos conferir as 10 melhores atuações de Nicola Coughlan, classificadas:

10. Big Mood (2021)
No papel de uma personagem ainda desconhecida, mas promissora, em Big Mood, Nicola Coughlan brilha em uma das produções mais celebradas do ano. Sua versatilidade e talento são evidentes neste filme que certamente marcará seu caminho rumo ao estrelato.

9. Harlots (2017-2019)
Em Harlots, uma série de época ambientada no século XVIII, Coughlan interpreta uma adolescente ingênua que se envolve no perigoso mundo da prostituição. Sua atuação traz uma mistura de inocência e determinação, conquistando a atenção dos espectadores em todas as cenas.

8. The Aftermath (2019)
Neste drama de época, Nicola Coughlan interpreta uma esposa amorosa e dedicada que enfrenta as consequências emocionais de um triângulo amoroso durante a Segunda Guerra Mundial. Sua atuação sensível e cativante garante uma experiência emocionante para o público.

7. Bridgerton (2020-presente)
Como a adorável Penelope Featherington na aclamada série de época Bridgerton, Coughlan brilha ao retratar uma jovem socialmente desajeitada que esconde seus verdadeiros sentimentos por trás de um disfarce. Sua interpretação charmosa e divertida a tornou rapidamente uma das favoritas dos fãs.

Leia Agora  O Episódio Incomum de Twilight Zone Que Foi Considerado 'Bizarro' Demais para a TV

6. The Phantom of the Opera (2011-2012)
Em uma produção especial de O Fantasma da Ópera, Coughlan mostrou seu imenso talento musical ao interpretar a personagem Meg Giry. Sua voz poderosa e presença de palco cativante garantiram um desempenho memorável nesta icônica obra teatral.

5. Summer of the Flying Saucer (2008)
Em seu primeiro papel no cinema, Coughlan deixou uma impressão duradoura interpretando Olive, uma adolescente que acredita ter visto um disco voador durante as férias de verão. Sua atuação carismática e inocente adicionou uma camada encantadora a esse filme de aventura.

4. Lust Life (2011)
Em Lust Life, um filme independente de comédia, Nicola Coughlan interpreta uma jovem estudante universitária em busca de amor e experiências amorosas. Sua atuação engraçada e vulnerável acrescenta muito à história, proporcionando momentos hilariantes e tocantes.

3. The Bogwoman (2014)
Neste filme de suspense e mistério, Coughlan interpreta uma mulher misteriosa que esconde segredos obscuros nas terras pantanosas da Irlanda. Sua atuação intensa e intrigante mantém os espectadores vidrados na tela, ansiosos para desvendar os segredos de sua personagem.

2. Derry Girls (2018-presente)
O papel que colocou Nicola Coughlan no radar dos espectadores foi o da astuta Clare na aclamada série de comédia Derry Girls. Sua habilidade para entregar diálogos rápidos e engraçados foi fundamental para o sucesso da série, que se tornou um fenômeno de público e crítica.

1. Bridgerton (2020-presente)
Não poderíamos deixar de destacar sua atuação marcante como Penelope Featherington em Bridgerton, o maior sucesso recente da Netflix. Coughlan domina cada cena em que aparece, trazendo uma combinação perfeita de doçura, inteligência e vulnerabilidade. Sua atuação é um dos pontos altos da série e certamente ajudou a conquistar uma legião de fãs ao redor do mundo.

Leia Agora  Caça de Quinta Geração em Top Gun

Nicola Coughlan continua a encantar o público com sua versatilidade e talento, mostrando que é uma atriz de destaque em todas as produções em que participa. Sua presença cativante e suas atuações fenomenais continuam a nos surpreender e estamos ansiosos para ver o que ela reserva para o futuro.