Pular para o conteúdo

George Lucas Auxiliou na Conclusão Desta Paródia de Star Wars

George Lucas Auxiliou na Conclusão Desta Paródia de Star Wars
Avalie este artigo

George Lucas explica por que ele odeia o filme “Fanboys”

“Fanboys” é um filme de comédia lançado em 2009, dirigido por Kyle Newman. Através de uma trama divertida e recheada de referências à cultura nerd, o longa narra a história de um grupo de amigos que está determinado a ver o filme “Star Wars: Episódio I – A Ameaça Fantasma” antes de seu lançamento oficial.

No entanto, apesar do enredo aparentemente cativante para os fãs de “Star Wars” e da presença de figuras conhecidas da franquia, como Carrie Fisher e Billy Dee Williams no elenco, o criador da saga, George Lucas, não ficou nada satisfeito com o resultado e revelou que odeia o filme.

Em uma entrevista recente, Lucas explicou sua insatisfação com “Fanboys” e deu seus motivos para detestá-lo. Segundo ele, o filme representa uma versão distorcida de tudo o que ele acredita sobre a fanbase de “Star Wars” e como eles devem ser retratados.

Lucas afirma que o filme passa a mensagem equivocada de que os fãs são pessoas obcecadas e malucas, dispostas a fazer qualquer coisa para ver um filme antecipadamente. Ele acredita que isso dá uma impressão negativa da comunidade de fãs e não reflete o que ele conhece da verdadeira natureza deles.

O criador de “Star Wars” também comentou que a ideia original para o filme era bem diferente do que acabou sendo produzido. Ele pretendia que “Fanboys” fosse uma homenagem aos fãs e à sua paixão pela franquia, mostrando a camaradagem e o amor compartilhado pelos filmes.

No entanto, ao assistir ao resultado final, Lucas sentiu que o filme transformou os fãs em personagens caricatos e ridículos. Essa representação irrealista de fãs de “Star Wars”, segundo ele, tira a essência do que realmente é ser um fã e ignorou o impacto positivo que eles têm na comunidade.

Leia Agora  Revelados todos detalhes dos trajes icônicos do legado do Superman

George Lucas enfatizou que não estava procurando por um filme que bajulasse ou idolatrasse os fãs de “Star Wars”, mas sim algo que capturasse a essência e a verdadeira experiência de ser um fã. Ele diz que é muito grato pela dedicação e paixão dos fãs, mas acredita que esses aspectos não foram retratados de maneira justa em “Fanboys”.

Apesar de suas críticas ao filme, Lucas também fez questão de deixar claro que respeita a visão e o trabalho dos cineastas envolvidos e que entende que cada filme é uma expressão artística única.

No final das contas, George Lucas explica que seus sentimentos em relação a “Fanboys” são pessoais e baseados em sua própria conexão com os fãs de “Star Wars”. Ele admite que muitas pessoas podem ter apreciado o filme e que ele pode não ser a voz dominante na opinião sobre ele.

No entanto, ele segue firme em sua crença de que os fãs de “Star Wars” merecem ser representados de forma mais fiel e autêntica, exibindo suas qualidades positivas e a diversidade de suas vivências.

Em resumo, George Lucas revela que odeia o filme “Fanboys” devido à sua representação distorcida e caricata dos fãs de “Star Wars”. Ele acredita que o filme passa uma imagem negativa e irrealista dos fãs, ignorando suas verdadeiras características e o impacto positivo que têm na franquia. Lucas desejava ver uma homenagem aos fãs que capturasse a essência de ser um fã de “Star Wars”. Apesar de suas críticas, ele respeita o trabalho dos cineastas e entende que cada filme é uma expressão artística única.