Pular para o conteúdo

Ex-animador da Studio Shaft denuncia experiência horrenda na empresa

Ex-animador da Studio Shaft denuncia experiência horrenda na empresa
Avalie este artigo

O estúdio de animação japonês Shaft, conhecido por produzir séries populares como “Madoka Magica” e “Monogatari”, está enfrentando críticas em relação às condições de trabalho dos seus animadores. De acordo com relatos, os animadores estão sendo submetidos a longas jornadas de trabalho, com horários excessivos e prazos apertados.

A empresa, que foi fundada em 1975, possui um estilo visual distinto e uma abordagem criativa única. No entanto, os recentes relatos revelam uma realidade menos glamorosa nos bastidores da produção. Muitos animadores estão enfrentando exaustão física e mental devido ao trabalho excessivo, com alguns relatando terem trabalhado até 400 horas extras em um mês.

Essas condições de trabalho estão sendo criticadas pela Animation Solidarity, uma organização que busca melhorias nas condições de trabalho da indústria de animação japonesa. Eles alegam que o estúdio Shaft está priorizando produção acelerada em detrimento da saúde e bem-estar de seus animadores.

A Animation Solidarity também pressiona pelo estabelecimento de um sindicato que represente os interesses dos animadores e defenda melhores condições de trabalho. Eles exigem que o estúdio Shaft reveja suas políticas de trabalho e implemente mudanças significativas para garantir o bem-estar de seus funcionários.

O estúdio Shaft ainda não se pronunciou publicamente sobre as acusações, mas espera-se que a pressão da Animation Solidarity e de outros grupos leve a uma revisão das práticas de trabalho do estúdio.

Essa situação destaca a importância de garantir condições de trabalho justas e saudáveis para os profissionais da indústria de animação. À medida que o setor continua a crescer e produzir conteúdo cada vez mais popular, é crucial que os estúdios priorizem o bem-estar de seus animadores, para que eles possam continuar a criar com paixão e criatividade.

Leia Agora  Assustadoras estreias de filmes de terror em janeiro de 2024