Pular para o conteúdo

Cinegrafista e Diretor de Fotografia dos Filmes de James Bond, Alec Mills, falece aos 91 anos

Cinegrafista e Diretor de Fotografia dos Filmes de James Bond, Alec Mills, falece aos 91 anos
Avalie este artigo

Câmera e Cinematógrafo dos Filmes de James Bond: Alec Mills Falece aos 91 Anos

Alec Mills, cinegrafista que trabalhou em cinco filmes de James Bond como operador de câmera antes de se tornar cinematógrafo nos filmes estrelados por Timothy Dalton, The Living Daylights e License to Kill, faleceu aos 91 anos. Seu filho, Simon Mills, anunciou o falecimento na segunda-feira. Alec Mills estava vivendo em uma casa de cuidados assistidos em Denham, Buckinghamshire, Inglaterra, segundo seu filho. Mills era responsável por operar a câmera e contribuiu para a criação de imagens icônicas nos filmes de James Bond.

Alec Mills nasceu em 1933 e começou sua carreira no cinema como assistente de câmera antes de se tornar operador de câmera. Ele trabalhou em vários filmes notáveis ao longo de sua carreira, mas foi no universo de James Bond que ele deixou sua marca. Mills operou a câmera em cinco filmes da franquia: Goldfinger, Thunderball, On Her Majesty’s Secret Service, You Only Live Twice e Diamonds Are Forever. Durante essas produções, ele contribuiu para a criação de cenas de ação emocionantes e sequências de tirar o fôlego, tornando-se um membro valioso da equipe de filmagem.

Sua habilidade e dedicação o levaram a ser promovido a cinematógrafo nos filmes The Living Daylights e License to Kill, que contaram com Timothy Dalton como o espião britânico mais famoso do cinema. Mills demonstrou seu talento ao criar uma atmosfera visualmente impressionante para os filmes, equilibrando perfeitamente a ação, suspense e drama característicos da franquia James Bond.

Leia Agora  Isabela Merced e Bella Ramsey: A química de duas protagonistas em The Last of Us Season 2

Além dos filmes de Bond, Alec Mills trabalhou em outros projetos de destaque ao longo de sua carreira. Ele colaborou com diretores renomados como Stanley Kubrick em Full Metal Jacket e Richard Attenborough em A Bridge Too Far. Sua contribuição para a indústria cinematográfica foi reconhecida com diversas indicações e prêmios ao longo dos anos.

Alec Mills deixou um legado duradouro na indústria cinematográfica, especialmente nos filmes de James Bond. Sua habilidade em operar a câmera e criar imagens memoráveis contribuiu para o sucesso e o impacto cultural dessa icônica franquia. Seu trabalho será lembrado e apreciado por fãs de cinema de todo o mundo.

Nossos pensamentos estão com a família e amigos de Alec Mills neste momento difícil. Sua contribuição para o cinema será sempre lembrada e seu legado viverá através de suas obras atemporais. Descanse em paz, Alec Mills.