Pular para o conteúdo

Adaptação de ‘Um Dia’ para a Netflix foi uma experiência “feliz e colaborativa”, diz David Nicholls — Storyhouse

Adaptação de 'Um Dia' para a Netflix foi uma experiência "feliz e colaborativa", diz David Nicholls — Storyhouse
Avalie este artigo

O escritor britânico David Nicholls não é preciosista quando se trata de adaptações de seus romances e cita a recente adaptação da Netflix de seu livro de 2009, “Um Dia”, como um exemplo perfeito de como ser mente aberta a ideias frescas sobre materiais estabelecidos pode resultar em um bom trabalho. Durante sua participação no primeiro festival de roteiros de Dublin, chamado Storyhouse, Nicholls falou sobre como foi uma experiência feliz e colaborativa confiar a série “Um Dia” a outros roteiristas.

Ao compartilhar sua opinião sobre adaptações, Nicholls enfatizou a importância de estar aberto a novas perspectivas e ideias, mesmo quando se trata de uma obra original sua. Ele mencionou que, como autor, sua responsabilidade é contar uma história em um determinado formato, mas reconhece que a adaptação para uma série tem suas próprias exigências e possibilidades. Portanto, ele estava disposto a confiar a história de “Um Dia” a outros roteiristas talentosos e colaborar com eles para criar uma adaptação única para a Netflix.

Nicholls destacou a importância de trabalhar com uma equipe comprometida e talentosa, mencionando que a colaboração com os roteiristas da série foi uma experiência feliz e positiva. Ele apreciou a abordagem criativa e as escolhas feitas pela equipe para a adaptação, enfatizando que o resultado final foi um trabalho de qualidade. Ao ser questionado sobre como é entregar sua história para que outros a desenvolvam, ele ressaltou a importância de confiar nos profissionais envolvidos e permitir que eles tragam suas próprias perspectivas e visões para a história.

A adaptação da Netflix de “Um Dia” foi lançada com sucesso e recebeu críticas positivas dos fãs e da crítica. Apesar de algumas mudanças serem inevitáveis em uma adaptação, Nicholls acredita que essas alterações podem levar a novas descobertas e versões interessantes da história original. Ele encoraja outros escritores a não serem tão protetores de suas obras e a estarem dispostos a colaborar e confiar em outros talentos criativos para criar algo novo e emocionante.

Leia Agora  Melhores Animes Inspirados nas Obras de Shakespeare

Em resumo, David Nicholls demonstra uma atitude aberta e colaborativa em relação às adaptações de seus romances. Ele acredita que confiar em outros escritores e criativos pode resultar em um trabalho de qualidade e oferecer uma perspectiva fresca sobre a história original. Sua experiência positiva com a adaptação de “Um Dia” pela Netflix destaca a importância de confiar na equipe envolvida e permitir que eles deixem sua marca na história.