Pular para o conteúdo

Adaptação de “A Good Girl’s Guide to Murder”, liderada por Emma Myers de “Wednesday”, encontra casa nos Estados Unidos.

Adaptação de "A Good Girl’s Guide to Murder", liderada por Emma Myers de "Wednesday", encontra casa nos Estados Unidos.
Avalie este artigo

“A Good Girl’s Guide to Murder” é uma série de suspense juvenil que fez muito sucesso no Reino Unido e está agora disponível para os assinantes da Netflix. A série foi adaptada do livro de Holly Jackson, que também leva o mesmo nome, e é a primeira parte de uma série de cinco livros.

O enredo gira em torno de Pippa Fitz-Amobi, uma estudante do ensino médio que decide investigar um assassinato não solucionado como parte de seu projeto de conclusão de curso. Enquanto investiga, Pippa descobre segredos obscuros sobre a cidade onde vive e começa a suspeitar de várias pessoas, incluindo seu próprio professor de história.

A série recebeu críticas positivas por sua trama envolvente e personagens bem construídos. Muitos elogiaram a protagonista Pippa, interpretada pela atriz estreante Emma Myers, por sua performance convincente e carismática.

“A Good Girl’s Guide to Murder” foi lançada originalmente no Reino Unido em 2019 e agora está disponível para o público brasileiro através da Netflix. A série conta com 10 episódios emocionantes e promete prender a atenção do espectador do início ao fim.

Se você é fã de suspense e mistério, não pode deixar de conferir “A Good Girl’s Guide to Murder” na Netflix. Prepare-se para mergulhar em uma história cheia de reviravoltas e surpresas, onde nada é o que parece. Pippa Fitz-Amobi irá cativar você com sua inteligência e determinação enquanto desvenda um mistério que vai além do assassinato que ela estava investigando inicialmente.

Não perca tempo e assista “A Good Girl’s Guide to Murder” agora mesmo na Netflix. Prepare-se para uma montanha-russa de emoções e descubra junto com Pippa a verdade por trás desse assassinato não solucionado. Você não vai se arrepender!

Leia Agora  As 10 Séries de Ação Mais Subestimadas da Década de 2010