Pular para o conteúdo

“A história desconhecida do vilão de Air Force One”

"A história desconhecida do vilão de Air Force One"
Avalie este artigo

Em “Air Force One”, filme de 1997 estrelado por Harrison Ford, temos um vilão icônico interpretado por Gary Oldman. O agente Ivan Korshunov é o líder de um grupo de sequestradores que tomam controle do avião presidencial Air Force One. Apesar de termos um vilão muito presente no filme, descobriu-se recentemente que havia um backstory para o personagem que nunca foi mostrado na tela.

De acordo com informações reveladas em um artigo, o personagem de Gary Oldman teria um passado muito mais complexo do que o apresentado no filme. O roteirista Andrew W. Marlowe desenvolveu uma história de origem para o agente Ivan Korshunov, que infelizmente acabou sendo deixada de fora do filme final.

O backstory exploraria o passado de Korshunov na Rússia, revelando que ele era um ex-militar altamente treinado e condecorado. No entanto, após uma tragédia pessoal, ele se torna desiludido com o governo russo e entra para uma organização terrorista.

A motivação de Korshunov no filme é justiça e vingança contra a Rússia, mas com o backstory, sua motivação teria um peso maior e um contexto mais profundo. A tragédia pessoal pela qual ele passou e a decisão de se tornar um terrorista seriam elementos fundamentais para entender sua postura radical.

Além disso, o backstory também mostraria um certo nível de habilidade e expertise que Korshunov possuía. Ele teria recebido treinamento especializado em sequestros de aeronaves e se tornou um especialista em táticas de guerrilha. Essas habilidades adicionais trariam ainda mais tensão e desafio para a tentativa de resgate do presidente dos Estados Unidos, interpretado por Harrison Ford.

Leia Agora  "Ladrão de Sinos de Natal": Olivia Holt, Connor Swindells e mais estão no elenco de nova comédia romântica da ACE Entertainment

Infelizmente, o backstory nunca chegou a ser incluído no filme devido a restrições de tempo e a decisões de edição. No entanto, essa nova informação traz uma nova perspectiva sobre o personagem e mostra que havia uma intenção de aprofundar a narrativa.

Embora o backstory não esteja presente no filme, é interessante imaginar como esses detalhes adicionais poderiam ter enriquecido a história de “Air Force One”. A história de Korshunov teria sido mais impactante e provocaria uma reflexão sobre as consequências de eventos traumáticos e os caminhos que as pessoas escolhem seguir diante de suas tragédias pessoais.

Essa revelação sobre o backstory de Ivan Korshunov em “Air Force One” mostra como a criação de personagens complexos e bem desenvolvidos pode trazer uma dimensão extra para o enredo de um filme. Mesmo que essa parte da história tenha sido deixada de fora, certamente é fascinante conhecer mais sobre a visão original dos criadores e roteiristas.

Em suma, mesmo após mais de duas décadas desde o lançamento de “Air Force One”, novas descobertas sobre o backstory do vilão alimentam o interesse e a curiosidade dos fãs. Ainda fica a pergunta de como o filme poderia ter sido diferente se essa história tivesse sido incluída.